search

Comentários à Revisão do Código dos Contratos Públicos 3.ª Edição (edição descontinuada)

40,00 €
12,00 € Poupe 70%
Com IVA ENVIO EM 2 A 3 DIAS ÚTEIS
Quantidade

Aceder à Versão E-book
  PAGAMENTO SEGURO

Pagamentos seguros e geridos diretamente pelos bancos. Multibanco, MBWay e Paypal disponíveis.

  EXPEDIÇÃO GRATUITA A PARTIR DE 25€

Em encomendas de valor superior a 25,00€ | Entregas em 2 a 3 dias úteis

  APOIO AO CLIENTE

Estamos disponíveis para esclarecer todas as suas dúvidas.

Nota prévia à 3.ª edição

Decorrido mais de um ano após a segunda edição, dá-se agora à estampa uma nova edição destes Comentários a qual, por um lado, contém actualizações em boa parte dos textos já anteriormente dados a conhecer ao público e, por outro lado, conta também com alguns textos novos, os quais cobrem temas que até agora não tinham ainda sido objecto de tratamento autónomo (como as parcerias para a inovação) ou aprofundam aspectos decisivos do regime legal, justificando uma atenção redobrada (como os impedimentos e as causas de exclusão).
Espera-se que esta obra continue, assim, a cumprir o seu propósito de contribuir para uma melhor compreensão da disciplina do Código dos Contratos Públicos – revelando-se o esforço da doutrina especialmente importante numa fase em que os tribunais administrativos ainda não tiveram oportunidade de firmar correntes jurisprudenciais sólidas sobre as principais alterações resultantes da revisão legislativa levada a cabo pelo Decreto-Lei n.º 111-B/2017, de 31 de Agosto, que entrou em vigor em 1 de Janeiro de 2018 e apenas é aplicável aos procedimentos pré-contratuais iniciados após essa data e aos contratos celebrados na sequência desses procedimentos (artigo 12.º, n.º 1).
Agradece-se ao público a receptividade desde sempre manifestada e, uma vez mais, à AAFDL, pela célere publicação de mais esta edição da presente obra, permitindo que a mesma continue acessível aos intérpretes e aplicadores do regime legal aqui sob escrutínio.

Plano

Apresentações

| Apreciação geral da revisão do CCP: em particular, os novos regimes dos artigos 280.º e 313.º do CCP - Mário Aroso de Almeida
| Stress tests à revisão do CCP - Rui Medeiros

I. Intersecções
| As recentes alterações ao CCP e as regras de legística formal: restabelecimento de uma amizade desencontrada - Inês Inverno e José Miguel Figueiredo
| O CCP e a sua revisão – na perspetiva da Análise Económica do Direito - Raquel Franco

II. Reflexões gerais
| A revisão do CCP em diálogo com a jurisprudência - Carlos Carvalho
| O risco de colusão em contratação pública: a intervenção da autoridade da concorrência e a revisão do CCP - Miguel Marques de Carvalho
| A governação dos contratos públicos no CCP - Fernando Oliveira Silva
| O CCP e o Tribunal de Contas. Notas sobre a natureza, enquadramento e fiscalização dos contratos públicos - José F. F. Tavares
| O alcance da tutela de normas laborais na contratação pública - Ana Fernanda Neves
| A responsabilidade civil da entidade adjudicante no âmbito de um procedimento de formação de um contrato público - Maria Ataíde Cordeiro

III. Modificações particulares
1. Formação do contrato
| A revisão do CCP e os princípios jurídicos gerais em matéria de formação dos contratos públicos - Ricardo Branco
| A decisão de contratar no CCP - Débora Melo Fernandes
| A escolha dos procedimentos pré-contratuais no CCP revisto - João Filipe Graça
| A contratação in house e interadministrativa após a revisão do CCP - Pedro Fernández Sánchez
| Serviços sociais e outros serviços específicos: o Leopardo e o Ornitorrinco entre os três setores de atividade económica - Domingos Soares Farinho
| A revisão do CCP e os setores especiais - Vera Eiró
| A ajudicação por lotes no CCP revisto - José Duarte Coimbra
| Consulta Prévia - Vasco Moura Ramos
| O diálogo concorrencial - Luciana Sousa Santos
| A parceria para a inovação - Ana Gavilan
| Concurso de conceção - Joana de Sousa Loureiro
| Consultas preliminares ao mercado no CCP - Raquel Carvalho
| Conflito de interesses na contratação pública: uma primeira abordagem - Pedro Moniz Lopes e Maria Teresa Capela
| Alguns apontamentos sobre os impedimentos no CCP revisto - Margarida Olazabal Cabral
| A revisão do regime dos impedimentos do CCP à luz da Directiva 2014/24/UE - Gonçalo Guerra Tavares e António Magalhães e Menezes
| A exclusão de propostas: algumas implicações da revisão do CCP - Ana Sofia Alves
| Breves notas sobre o novo regime das propostas de preço (ou custo) anormalmente baixo - José Azevedo Moreira
| Critérios de adjudicação no CCP (revisto) - Ricardo Pedro
| Contratação pública “verde”: uma evolução (eco)lógica - Carla Amado Gomes e Marco Caldeira
| A utilização de critérios sociais no CCP - Nuno Cunha Rodrigues
| Adjudicar ou não adjudicar, eis a questão - Juliana Ferraz Coutinho
| Algumas considerações sobre o novo regime de suprimento de irregularidades das propostas - Luís Verde de Sousa
| A alienação de bens móveis no novo CCP - Pedro Santos Azevedo
| Acordos-quadro - Miguel Lucas Pires
| Contratação pública electrónica - Manuel Lopes Rocha
| Entre o reino do ato e o império do contrato: o «enigma» do contrato sobre poderes públicos no direito português - Jorge Alves Correia
| Os contratos de cooperação entre entidades adjudicantes - Jorge Pação
| Extensão do âmbito de aplicação do CCP: algumas questões em torno do artigo 275.º referente aos contratos subsidiados - Manuel da Silva Gomes

2. Execução do contrato
| Modificação objetiva do contrato: uma leitura dos artigos 312.º e 313.º do CCP à luz do artigo 72.º da Diretiva 2014/24/UE - João Lamy da Fontoura
| Subcontratação e pagamento directo aos subcontratados - Pedro Melo e Miguel Neiva de Oliveira
| Gestor do contrato: um olhar sobre o esboço de regime legal da nova figura - Sara Younis Augusto de Matos
| A invalidade do contrato no CCP - Ana Raquel Gonçalves Moniz
| Novidades sobre concessões - Lino Torgal
| A modificação subjectiva do contrato no Código dos Contratos Públicos - Miguel Lorena de Brito
| Alguns problemas gerais em sede de execução e [in]cumprimento do contrato - Pedro Leite Alves

3. Resolução de litígios
| A arbitragem no CCP revisto - Tiago Serrão
| Os (outros) meios alternativos de resolução de litígios no CCP: uma primeira análise - Diogo Calado

9789726293484

Ficha informativa

Editor
AAFDL EDITORA
Autor(es)
Coordenação de Carla Amado Gomes, Ricardo Pedro, Tiago Serrão e Marco Caldeira
Referência
9789726293484
Páginas
1407
Local de Edição
Lisboa (2019)
Observações
3.ª Edição

Este website utiliza Cookies

Ao clicar em "Aceitar todos os cookies", concorda com o armazenamento de cookies no seu dispositivo para melhorar a navegação no site, analisar a utilização do site e ajudar nas nossas iniciativas de marketing.

Cookies necessários
Os cookies necessários ajudam a tornar um website útil, permitindo funções básicas, como a navegação e o acesso à página para proteger áreas do website. O website pode não funcionar corretamente sem estes cookies.
Nome do cookie Fornecedor Objetivo Termo
PHP_SESSID dev.livraria.aafdl.pt Este cookie é nativo do PHP e permite que sites armazenem dados de estado serializados. Ele é usado para estabelecer uma sessão de usuário e para passar dados de estado por meio de um cookie temporário, comumente referido como um cookie de sessão. Sessão
PrestaShop-# dev.livraria.aafdl.pt Este cookie ajuda a manter as sessões do usuário abertas enquanto eles estão visitando um site, e os ajuda a fazer pedidos e muitas outras operações, como: data de adição do cookie, idioma selecionado, moeda usada, última categoria de produto visitada, produtos vistos pela última vez, identificação do cliente, nome, nome, senha criptografada, e-mail vinculado à conta, identificação do carrinho de compras. 480 horas
rc::a Google Este cookie é usado para distinguir humanos de robôs. Isso é benéfico para o site criar relatórios válidos sobre o uso de seu site. Persistente
rc::c Google Este cookie é usado para distinguir entre humanos e bots. Persistente
Cookies de desempenho
Cookies usados especificamente para coletar dados sobre como os visitantes usam um site, quais páginas de um site são visitadas com mais frequência ou se eles recebem mensagens de erro em páginas da web. Esses cookies monitoram apenas o desempenho do site à medida que o usuário interage com ele. Esses cookies não coletam informações identificáveis sobre os visitantes, o que significa que todos os dados coletados são anônimos e usados apenas para melhorar a funcionalidade de um site.
Cookies de estatística
Os cookies de estatística ajudam os proprietários de websites a entenderem como os visitantes interagem com os websites, recolhendo e divulgando informações de forma anónima.
Nome do cookie Fornecedor Objetivo Termo
collect Google Ele é usado para enviar dados ao Google Analytics sobre o dispositivo do visitante e seu comportamento. Rastreie o visitante em dispositivos e canais de marketing. Sessão
r/collect Google Ele é usado para enviar dados ao Google Analytics sobre o dispositivo do visitante e seu comportamento. Rastreie o visitante em dispositivos e canais de marketing. Sessão
_ga Google Registra um ID exclusivo que é usado para gerar dados estatísticos sobre como o visitante usa o site. 2 anos
_gat Google Usado pelo Google Analytics para controlar a taxa de solicitação 1 dia
_gat_gtag_UA_* Google Usado para controlar a taxa de solicitação. 1 minuto
_gd# Google Este é um cookie de sessão do Google Analytics usado para gerar dados estatísticos sobre como você usa o site, que são removidos quando você fecha o navegador. Sessão
_gid Google Registra um ID exclusivo que é usado para gerar dados estatísticos sobre como o visitante usa o site. 1 dia
Cookies de marketing
Os cookies de marketing são utilizados para seguir os visitantes pelos websites. A intenção é exibir anúncios que sejam relevantes e apelativos para o utilizador individual e, logo, mais valiosos para os editores e anunciantes independentes.
Nome do cookie Fornecedor Objetivo Termo
ads/ga-audiences Google Esses cookies são usados pelo Google AdWords para reconquistar visitantes que provavelmente se converterão em clientes com base no comportamento online do visitante nos sites. Sessão
fr Facebook Usado pelo Facebook para entregar uma série de produtos de publicidade, como lances em tempo real de anunciantes terceiros. 3 meses
NID Google Registra um ID exclusivo que identifica o dispositivo de um usuário recorrente. O ID é usado para anúncios direcionados. 6 meses
tr Facebook Usado pelo Facebook para entregar uma série de produtos de publicidade, como lances em tempo real de anunciantes terceiros. Sessão
VISITOR_INFO1_LIVE youtube.com Tenta estimar a largura de banda dos usuários em páginas com vídeos integrados do YouTube. 179 dias
YSC youtube.com Registra um ID único para manter estatísticas de quais vídeos do YouTube o usuário viu. Sessão
yt-remote-cast-installed youtube.com Armazena as preferências do player de vídeo do usuário usando o vídeo do YouTube incorporado. Sessão
yt-remote-connected-devices youtube.com Armazena as preferências do player de vídeo do usuário usando o vídeo do YouTube incorporado. Persistente
yt-remote-device-id youtube.com Armazena as preferências do player de vídeo do usuário usando o vídeo do YouTube incorporado. Persistente
yt-remote-fast-check-period youtube.com Armazena as preferências do player de vídeo do usuário usando o vídeo do YouTube incorporado. Sessão
yt-remote-session-app youtube.com Armazena as preferências do player de vídeo do usuário usando o vídeo do YouTube incorporado. Sessão
yt-remote-session-name youtube.com Armazena as preferências do player de vídeo do usuário usando o vídeo do YouTube incorporado. Sessão
_fbp Facebook Usado pelo Facebook para entregar uma série de produtos de publicidade, como lances em tempo real de anunciantes terceiros. 3 meses
Cookies de preferência
Os cookies de preferência permitem que um website memorize as informações que mudam o comportamento ou o aspeto do website, como o seu idioma preferido ou a região em que se você encontra.
Conteúdo não disponível