search

Eutanásia, Constituição e Deontologia Médica

Quantidade

  PAGAMENTO SEGURO

Pagamentos seguros e geridos diretamente pelos bancos. Multibanco, MBWay e Paypal disponíveis.

  EXPEDIÇÃO GRATUITA A PARTIR DE 25€

Em encomendas de valor superior a 25,00€ | Entregas em 2 a 3 dias úteis

  APOIO AO CLIENTE

Estamos disponíveis para esclarecer todas as suas dúvidas.

Nota Prévia

0.1.Tendo sido apresentados diversos projetos de lei visando permitir a eutanásia, sem embargo de uma certa linguagem eufemística falar em “antecipação da morte” (Bloco de Esquerda) e “morte medicamente assistida” (PAM – Pessoas Animais, Natureza e Partido Ecologista os “Os Verdes”), sendo o projeto do Partido Socialista o único que utiliza na sua epígrafe a expressão “eutanásia não punível”, todos eles têm em comum três traços identitários:

(i) A eutanásia destina- se a situações de doentes terminais e em situação de sofrimento, desde que, sendo maiores de idade, sejam capazes de possuir capacidade de expressar uma vontade livre e esclarecida;

(ii) Fazem prevalecer o valor da autonomia individual, enquanto expressão de uma liberdade ou autodeterminação próprias, sobre o valor da inviolabilidade da vida humana;

(iii) Incumbem os médicos de realizar a vontade de tais doentes terminais em antecipar a morte, pretendendo reformular o conceito de ato médico e os deveres deontológicos dos médicos ao serviço da vida.

0.2. O tema da eutanásia, sem dúvida a questão fraturante mais complexa que uma certa esquerda política axiologicamente americanizada resolveu importar, comporta questões de natureza ideológica, jurídica e ético- deontológica, as quais se podem resumir nos seguintes termos:

(i) Será que a eutanásia ou a ajuda ao suicídio é uma realidade moderna, expressão de um revigoramento ideológico neoliberal nos valores ou, pelo contrário, as suas raízes históricas são mais antigas e filiam- se numa conceção político- ideológica de matriz totalitária?

(ii) Será que, à luz da ordem constitucional, um conflito entre os valores da liberdade e da inviolabilidade da vida deve ser resolvido a favor da liberdade ou, pelo contrário, a inviolabilidade da vida humana é um valor que goza de prevalência face à liberdade individual?

(iii) Será eticamente admissível alguém exercer a sua autonomia decisória de antecipação da morte usando um terceiro para o efeito, encarregando o Estado os médicos de executarem essa função, em sentido contrário às regras deontológicas que pautam a respetiva profissão?
A resposta a tais questões, apesar de poder ser metodologicamente orientada para uma ótica filosófica ou até jurídico- criminal, vai circunscrever- se aos contributos provenientes da História das Ideias Políticas, do Direito Constitucional e do Direito Administrativo – e, curiosamente, é neste último domínio, no âmbito jusadministrativo, que a análise a desenvolver assume particular relevo, até pelas implicações no âmbito da teoria das fontes de Direito, pois coloca o tema das relações entre a lei do Estado e a existência de espaços de reserva normativa de decisão a favor de outras entidades distintas do Estado.

0.3. O presente estudo, escrito quase na integra durante as férias de Natal, ressente- se de uma investigação bibliográfica e jurisprudencial circunscrita, nem por isso, no entanto, menos válida ou atentatória da solidez das conclusões alcançadas.
Os resultados do estudo agora divulgado passam a estar sujeitos à discussão contra- argumentativa, numa área especialmente permeável às pré-compreensões axiológicas de cada um; também por isso, todavia, particularmente aferidora da tolerância e do respeito no debate científico das ideias – como escrevia Karl Jaspers, “é imprescindível a humildade da permanente interrogação na própria certeza do instante” (in Iniciação Filosófica, 9ª ed., Guimarães Editores, Lisboa, 1998, p. 72), talvez seja isso, afinal, o que separa os políticos e os cientistas...

9789726293934

Ficha informativa

Editor
AAFDL EDITORA
Autor(es)
Paulo Otero
Referência
9789726293934
Páginas
124
Local de Edição
Lisboa (2020)

Também poderá gostar

Este website utiliza Cookies

Ao clicar em "Aceitar todos os cookies", concorda com o armazenamento de cookies no seu dispositivo para melhorar a navegação no site, analisar a utilização do site e ajudar nas nossas iniciativas de marketing.

Cookies necessários
Os cookies necessários ajudam a tornar um website útil, permitindo funções básicas, como a navegação e o acesso à página para proteger áreas do website. O website pode não funcionar corretamente sem estes cookies.
Nome do cookie Fornecedor Objetivo Termo
PHP_SESSID dev.livraria.aafdl.pt Este cookie é nativo do PHP e permite que sites armazenem dados de estado serializados. Ele é usado para estabelecer uma sessão de usuário e para passar dados de estado por meio de um cookie temporário, comumente referido como um cookie de sessão. Sessão
PrestaShop-# dev.livraria.aafdl.pt Este cookie ajuda a manter as sessões do usuário abertas enquanto eles estão visitando um site, e os ajuda a fazer pedidos e muitas outras operações, como: data de adição do cookie, idioma selecionado, moeda usada, última categoria de produto visitada, produtos vistos pela última vez, identificação do cliente, nome, nome, senha criptografada, e-mail vinculado à conta, identificação do carrinho de compras. 480 horas
rc::a Google Este cookie é usado para distinguir humanos de robôs. Isso é benéfico para o site criar relatórios válidos sobre o uso de seu site. Persistente
rc::c Google Este cookie é usado para distinguir entre humanos e bots. Persistente
Cookies de desempenho
Cookies usados especificamente para coletar dados sobre como os visitantes usam um site, quais páginas de um site são visitadas com mais frequência ou se eles recebem mensagens de erro em páginas da web. Esses cookies monitoram apenas o desempenho do site à medida que o usuário interage com ele. Esses cookies não coletam informações identificáveis sobre os visitantes, o que significa que todos os dados coletados são anônimos e usados apenas para melhorar a funcionalidade de um site.
Cookies de estatística
Os cookies de estatística ajudam os proprietários de websites a entenderem como os visitantes interagem com os websites, recolhendo e divulgando informações de forma anónima.
Nome do cookie Fornecedor Objetivo Termo
collect Google Ele é usado para enviar dados ao Google Analytics sobre o dispositivo do visitante e seu comportamento. Rastreie o visitante em dispositivos e canais de marketing. Sessão
r/collect Google Ele é usado para enviar dados ao Google Analytics sobre o dispositivo do visitante e seu comportamento. Rastreie o visitante em dispositivos e canais de marketing. Sessão
_ga Google Registra um ID exclusivo que é usado para gerar dados estatísticos sobre como o visitante usa o site. 2 anos
_gat Google Usado pelo Google Analytics para controlar a taxa de solicitação 1 dia
_gat_gtag_UA_* Google Usado para controlar a taxa de solicitação. 1 minuto
_gd# Google Este é um cookie de sessão do Google Analytics usado para gerar dados estatísticos sobre como você usa o site, que são removidos quando você fecha o navegador. Sessão
_gid Google Registra um ID exclusivo que é usado para gerar dados estatísticos sobre como o visitante usa o site. 1 dia
Cookies de marketing
Os cookies de marketing são utilizados para seguir os visitantes pelos websites. A intenção é exibir anúncios que sejam relevantes e apelativos para o utilizador individual e, logo, mais valiosos para os editores e anunciantes independentes.
Nome do cookie Fornecedor Objetivo Termo
ads/ga-audiences Google Esses cookies são usados pelo Google AdWords para reconquistar visitantes que provavelmente se converterão em clientes com base no comportamento online do visitante nos sites. Sessão
fr Facebook Usado pelo Facebook para entregar uma série de produtos de publicidade, como lances em tempo real de anunciantes terceiros. 3 meses
NID Google Registra um ID exclusivo que identifica o dispositivo de um usuário recorrente. O ID é usado para anúncios direcionados. 6 meses
tr Facebook Usado pelo Facebook para entregar uma série de produtos de publicidade, como lances em tempo real de anunciantes terceiros. Sessão
VISITOR_INFO1_LIVE youtube.com Tenta estimar a largura de banda dos usuários em páginas com vídeos integrados do YouTube. 179 dias
YSC youtube.com Registra um ID único para manter estatísticas de quais vídeos do YouTube o usuário viu. Sessão
yt-remote-cast-installed youtube.com Armazena as preferências do player de vídeo do usuário usando o vídeo do YouTube incorporado. Sessão
yt-remote-connected-devices youtube.com Armazena as preferências do player de vídeo do usuário usando o vídeo do YouTube incorporado. Persistente
yt-remote-device-id youtube.com Armazena as preferências do player de vídeo do usuário usando o vídeo do YouTube incorporado. Persistente
yt-remote-fast-check-period youtube.com Armazena as preferências do player de vídeo do usuário usando o vídeo do YouTube incorporado. Sessão
yt-remote-session-app youtube.com Armazena as preferências do player de vídeo do usuário usando o vídeo do YouTube incorporado. Sessão
yt-remote-session-name youtube.com Armazena as preferências do player de vídeo do usuário usando o vídeo do YouTube incorporado. Sessão
_fbp Facebook Usado pelo Facebook para entregar uma série de produtos de publicidade, como lances em tempo real de anunciantes terceiros. 3 meses
Cookies de preferência
Os cookies de preferência permitem que um website memorize as informações que mudam o comportamento ou o aspeto do website, como o seu idioma preferido ou a região em que se você encontra.
Conteúdo não disponível