Estudos sobre Arbitragem (em Especial, de Direito Público)

9,50 €
8,55 € Salvar 10%
Impuestos incluidos ENTREGA: 1 A 3 DÍAS LABORABLES (EN REGLA)
Cantidad

  • Entrega gratuita em Portugal a partir de 25€ Entrega gratuita em Portugal a partir de 25€

Da Nota Prévia

(...) as principais razões para a publicação destes estudos - agora sob a forma de livro - residem no facto de, por um lado, os mesmos manterem atualidade, por outro, por se entender que se trata de textos com uma certa unidade concetual e que, por isso, melhor serão compreendidos com a sua reunião e, por fim, devido ao facto de o autor destas linha manter o interesse no tema, aliás, já manifestado na co-coordenação das anteriores obras: Arbitragem e Direito Público, Lisboa, AAFDL, 2015, reimpressão em 2018, e Arbitragem Administrativa em debate: Problemas gerais e Arbitragem em matéria de contratos públicos, Lisboa, AAFDL, 2018.
Deve ainda esclarecer-se que os estudos de arbitragem em causa são, na sua maioria, relativos a arbitragem de direito público. A razão para tal opção resulta do facto de se tratar de uma matéria que nos últimos anos tem merecido a atenção (continua) do legislador nacional.
Em traço muito grosso, os textos em referência debruçam-se em geral sobre alguns problemas e vicissitudes da arbitragem de direito público (administrativa e tributária), nomeadamente, sobre as várias "lacunas " que o(s) regime(s) da arbitragem administrativa ainda apresenta(m) e sobre a institucionalização da arbitragem de direito público.
De notar que um dos textos se refere ao tema (mais amplo, do ponto de vista dos meios) da resolução de litígios de direito administrativo em que a arbitragem administrativa surge como um (entre outros) dos meios para garantir a tão almejada resolução de litígios jurídico-administrativos em prazo razoável.
No contexto da procura de (outros) meios de (re)solução de litígios jurídico-administrativos irão ainda encontrar-se referências à mediação administrativa enquanto possível, futuro e desejado (?) meio de solução de litígios jurídico-administrativos.
Por fim, tendo em vista uma lógica de sistema de garantia de direitos - em que a arbitragem surge como uma forma de tutela primária de direitos -, inclui-se ainda um texto sobre responsabilidade civil do árbitro - que desenvolve o regime de tutela secundária de direitos - no caso de a arbitragem causar danos dignos de indemnização.

ÍNDICE

| DA EFETIVIDADE DO DIREITO ADMINISTRATIVO À EFETIVIDADE DA(S) JUSTIÇA(S) ADMINISTRATIVA(S)

| ARBITRAGEM DE DIREITO PÚBLICO: UM INSTITUTO EM (PERMANENTE) EVOLUÇÃO: BREVE APONTAMENTO

| ARBITRAGEM E OUTROS MEIOS DE RESOLUÇÃO DE LITÍGIOS DE DIREITO ADMINISTRATIVO, EM ESPECIAL, EM MATÉRIA DE CONTRATOS PÚBLICOS: entre a efectividade e as dúvidas... E NOTAS BREVES SOBRE A PROPOSTA DE LEI N.° 168/XIII

| QUESTÕES RELATIVAS À INSTITUCIONALIZAÇÃO DA ARBITRAGEM ADMINISTRATIVA: Um puzzle em construção, um palimpsesto or something different?

| ARBITRAGEM INSTITUCIONAL E CENTROS DE ARBITRAGEM DE DIREITO PÚBLICO

| A RESPONSABILIDADE CIVIL DOS ÁRBITROS E O REGIME APROVADO PELA LEI 67/2007, DE 31 DE DEZEMBRO: ENTRE A RESPONSABILIDADE E A IMUNIDADE

9789726292920

Ficha de datos

Editor
AAFDL EDITORA
Autor(es)
Ricardo Pedro
Referencia
9789726292920
Páginas
144
Local de Edición
Lisboa (2019)

A AAFDL Editora nasceu no mundo académico com o propósito de servir o mundo jurídico no seu todo.

O sentido de crescimento da Editora tem vindo a ditar novas regras, porque nos dias que correm já não olhamos só para dentro da Faculdade onde estamos situados, mas também olhamos para fora.

Nos últimos anos tem havido o atento cuidado de expandir os horizontes na Editora, procurando a produção de obras científicas por mais autores que não só docentes, com a finalidade de que as nossas obras possam servir não só a alunos, mas também a advogados, solicitadores, autarquias e todos os outros agentes do mundo do Direito.

O nosso slogan: ‘’Há mais de 100 anos a editar o futuro’’, é característico daquilo que somos e representamos. Sabemos de onde vimos, sabemos onde estamos e sabemos para onde vamos!

Os Autores que escolhem a nossa Editora enquanto sua, escolhem-na porque veem nesta Editora a jovialidade que é característica, mas, para além disso, percebem o sentido de responsabilidade que existe entre todos aqueles que a dirigem.

Sempre estivemos situados na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa e, parecendo que não, essa é uma grande vantagem que temos em relação a qualquer outra Editora. Este fator diferenciador permite-nos chegar mais facilmente aos autores e aos alunos e permite-nos, ainda, ter uma livraria principal na Faculdade de Direito de Lisboa.

Esta enorme rede de distribuição permite-nos chegar a uma rede alargada de Juristas.

También podría gustarte