• Direito das Contra-Ordenações
  • Direito das Contra-Ordenações
Direito das Contra-Ordenações

Direito das Contra-Ordenações

11,00 €
9,90 € Salvar 10%
Impuestos incluidos ENTREGA: 1 A 3 DÍAS LABORABLES (EN REGLA)
Cantidad

  • Entrega gratuita em Portugal a partir de 25€ Entrega gratuita em Portugal a partir de 25€

INDICE

§ 1 Legislação

1. Regime Geral das Contra-ordenações
(Decreto-Lei n.° 433/82, de 27 de Outubro)

2. Regime Geral das Instituições de Crédito e Sociedades Financeiras
(Decreto-Lei n.° 298/92, de 31 de Dezembro)

3. Regime Geral das Infracções Tributárias
(Lei n.° 15/2001, de 5 de Junho)

4. Actos ilícitos praticados a bordo de aeronaves civis
(Decreto-Lei n.° 254/2003, de 18 de Outubro)

5. Lei Quadro das Contra-Ordenações Ambientais
(Lei n.° 50/2006, de 29 de Agosto)

6. Regime Quadro das Contra-Ordenações no Sector das Comunicações
(Lei n.° 99/2009, de 4 de Setembro)

7. Novo Regime Jurídico da Concorrência
(Lei n.° 19/2012, de 12 de Maio)

§ 2 Jurisprudência do Tribunal Constitucional e do Supremo Tribunal de Justiça (Sumários)

§ 2.1. Jurisprudência do Tribunal Constitucional
- Acórdão do TC n.° 73/2012, de 08/02/2012
- Acórdão do TC n.° 561/2011, de 22/11/2011
- Acórdão do TC n.° 557/2011 (DR, II S, n.° 243, de 21/12/2011)
- Acórdão do TC n.° 437/2011
- Acórdão do TC n.° 353/2011, de 12/07/2011
- Acórdão do TC n.° 226/2011
- Acórdão do TC n.° 26/2011 (DR, II S, n.° 48, de 09/03/2011)
- Acórdão do TC n.° 481/2010
- Acórdão do TC n.° 632/2009 (DR, II S, n.° 35, de 19/02/2010)
- Acórdão do TC n.° 129/2009 (DR, II S, n.° 74, de 16/04/2009)

§ 2.2. Supremo Tribunal de Justiça - Jurisprudência Fixada

- Acórdão do Supremo Tribunal de Justiça n.° 4/2011
(DR, I S, n.° 30, de 11/02)
-Acórdão do Supremo Tribunal de Justiça n.° 1/2009
(DR, I S, n.° 11, de 16/01)

5606939007438

Ficha de datos

Editor
AAFDL
Autor(es)
Augusto Silva Dias, João Gouveia de Caires e Vânia Costa Ramos (Selecção e Organização)
Referencia
5606939007438
Local de Edición
Lisboa (2013)

A AAFDL Editora nasceu no mundo académico com o propósito de servir o mundo jurídico no seu todo.

O sentido de crescimento da Editora tem vindo a ditar novas regras, porque nos dias que correm já não olhamos só para dentro da Faculdade onde estamos situados, mas também olhamos para fora.

Nos últimos anos tem havido o atento cuidado de expandir os horizontes na Editora, procurando a produção de obras científicas por mais autores que não só docentes, com a finalidade de que as nossas obras possam servir não só a alunos, mas também a advogados, solicitadores, autarquias e todos os outros agentes do mundo do Direito.

O nosso slogan: ‘’Há mais de 100 anos a editar o futuro’’, é característico daquilo que somos e representamos. Sabemos de onde vimos, sabemos onde estamos e sabemos para onde vamos!

Os Autores que escolhem a nossa Editora enquanto sua, escolhem-na porque veem nesta Editora a jovialidade que é característica, mas, para além disso, percebem o sentido de responsabilidade que existe entre todos aqueles que a dirigem.

Sempre estivemos situados na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa e, parecendo que não, essa é uma grande vantagem que temos em relação a qualquer outra Editora. Este fator diferenciador permite-nos chegar mais facilmente aos autores e aos alunos e permite-nos, ainda, ter uma livraria principal na Faculdade de Direito de Lisboa.

Esta enorme rede de distribuição permite-nos chegar a uma rede alargada de Juristas.